segunda-feira, 13 de junho de 2011

O VASTO MUNDO DO LIVRO

O 9º Salipi, Salão do Livro do Piauí, aconteceu na semana passada, em Teresina. Pude participar do 14º Seminário Língua Viva e, pela primeira vez, conhecer a feira e também a cidade. Fui muitíssimo bem acolhida, adorei conversar com todos sobre leitura e produção de textos. Só tenho a agradecer e a parabenizar os organizadores pelo sucesso. Eu e Wellington Soares, professor, escritor e um dos organizadores do Salipi.

Aqui, no estande da Livraria Anchieta.
Professores de Português do Instituto Dom Barreto. A coordenadora Maria Olinda e a professora Rosilane, do Colégio Diocesano. Esses colégios trabalharão com meu livro Perseguição, da Editora Saraiva. Tinha uma árvore no meio do caminho… O monumento Cabeça de Cuia, no Parque Ambiental Encontro dos Rios. O Cabeça de Cuia faz parte do folclore do Piauí. Quer conhecer a lenda? Clique aqui.
Aqui se encontram os Rios Poti e Parnaíba.






O Poti Velho é um dos bairros mais antigos de Teresina e também uma das principais atrações turísticas. Os artesãos trabalham nos fundos das lojas e a todo momento estão prontos para receber os visitantes. No bairro, há uma cooperativa de 40 mulheres trabalhando com a cerâmica. Antes, elas não tinham de onde tirar o sustento e hoje vivem do artesanato. Belíssimo! Estou na foto com uma delas.
Outra produção artesanal de cerâmica ocorre no Parque Nacional da Capivara, no sudeste do Piauí. Especialistas italianos e brasileiros catalogaram mais de 40 tipos de argila na região. As peças, todas utilitárias, são modeladas ou torneadas pelos artesãos locais. A Cerâmica Serra da Capirava realiza oficinas mensais para crianças e adolescentes, um projeto de arte-educação realizado com as comunidades do entorno do Parque Nacional. Essas peças são de lá. Não são lindas? Eu e a Magna, da Editora Saraiva. Estamos a 95 metros, no mirante da Ponte Estaiada. Teresina é linda!


4 comentários:

lismartins disse...

Adorei sua palestra no SALIPI. Vc foi prática e realista. Particularmente eu tenho
trabalhado da forma mais aproximada da proposta do ensino de produções textuais.

Sônia Barros disse...

Tânia,
adorei as fotos. Que lugar lindo! Deu vontade de conhecer...
Parabéns pelo seu trabalho, cada vez mais conhecido e valorizado. Você merece!
Um beijo e o meu carinho.

Dalmihen disse...

olá
sou professora de Português em Foz do Iguaçu. Indiquei o seu livro procura-se um planeta sustentável, para meus alunos de sétima série, para lerem nesse bimestre, para fazemos prova do livro. A minha preocupação é em saber se o livro fala em sexo, pois os pais não gostam. Pelo resumo que há na internet, acho que não. Poderia me esclarecer? obrigada pela atenção

Tânia Alexandre Martinelli disse...

Oi, Dalmihen! Tudo bem com você?
Fique tranquila, o livro não fala de sexo.
Beijo grande e bom trabalho!