quarta-feira, 21 de maio de 2014

RESENHA NO CLUBE DO LIVRO

Se tem uma coisa que me dá uma profunda alegria, é quando vejo meus ex-alunos da última escola em que lecionei (hoje eles tem entre 24 e 25 anos) terem escolhido a carreira de Letras ou, mesmo se dedicando a outras profissões, tenham sido mordidos pelo prazer da leitura.
Suas paixões me comovem e me dão muito orgulho por ter participado desse processo.

Falo aqui do Clube do Livro, recém-inaugurado por algumas dessas alunas-leitoras. Curta a página lá no facebook e receba muitas dicas!

Leia a resenha que a Michelle fez sobre o Perseguição. E, por falar nele, logo, logo sai o segundo livro:
Leo na corda bamba.
Como ficou a vida de Leo depois de tudo? Cidade nova, novos amigos, o amor...?
Corujice à parte, é uma linda história. E estará disponível no início do semestre que vem. Espero que gostem tanto quanto eu!

Opinião: PERSEGUIÇÃO - TÂNIA ALEXANDRE MARTINELLI (por Michelle Trevisani)

Avaliação: 5 estrelas
Gênero: Infantojuvenil (Editora Saraiva, 2009, 104 páginas)

Recomendo!

Este livro me fez refletir sobre um dos aspectos mais comentados nos dias de hoje: o Bullying, que é um termo da língua inglesa (bully = "valentão"), que se refere a todas as formas de atitudes agressivas, verbais ou físicas, intencionais ou repetitivas, que ocorrem sem motivação evidente e são exercidas por um ou mais indivíduos, causando dor e angústia, com o objetivo de agredir ou intimidar outra pessoa sem ter possibilidade ou capacidade de se defender, sendo realizadas dentro de uma relação desigual de forças ou poder. Indicado para professores em geral - para que seja este livro trabalhado em sala de aula - pois me parece, mas não somente, que é na escola que geralmente nasce esse tipo de atitude por parte de crianças muitas vezes não intencionadas - que acreditam que a "brincadeirinha" não fere o sentimento do outro, mas que no fundo provoca uma baita ferida que não cicatriza.

Veja mais sobre o livro aqui.
Outros comentários aqui.
E também o primeiro capítulo aqui.

Nenhum comentário: